Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Música do Brasil

Música do Brasil

Após crise, Zezé Di Camargo e Luciano lançam novo CD

Novo CD marca recuperação da voz de Zezé di Camargo

 

Famoso por atingir notas agudas quase inimagináveis, Zezé Di Camargo quase viu a carreira da dupla, formada com seu irmão Luciano, acabar em função de um cisto congênito nas cordas vocais. Com dificuldade para cantar, o sertanejo teve que interromper as gravações do último álbum para realizar uma cirurgia antes de voltar ao estúdio.

 

Recuperado, o cantor abre o novo CD com um desabafo: "Os últimos anos foram os mais difíceis da minha vida. Eu estava perdendo a minha voz.". A opção por "abrir o jogo" com uma mensagem no começo do álbum, que será lançado no próximo dia 10, foi para "virar a página".

"Houve muito comentário sobre o que estava vivendo. Muita especulação. Estou esclarecendo o que aconteceu, por favor esqueçam. O disco realmente vira a página desse ciclo. Está aí o disco pra vocês ouvirem", disse Zezé em entrevista coletiva realizada nesta segunda-feira, em São Paulo.

O cantor ainda admitiu que sentiu medo do problema acabar com a carreira da dupla."O mais traumático foi isso. Quando tentei cantar as músicas, a voz não vinha. Aí veio uma incerteza muito grande", explica Zezé, que recebeu muito apoio do irmão durante esse período. "Luciano era minha bengala. É difícil enfrentar uma situação dessas. Talvez sozinho eu teira pensado diferente, talvez tivesse desistido", conta.

Já Luciano, procurou entender o problema do irmão e afirma que a persistência foi vital para a conclusão do trabalho. "Ele não aceitou playback e não acabou com os compromissos só pra cuidar da voz. Ficou um ano trabalhando até poder parar e fazer a cirurgia. Financeiramente ele não precisaria fazer isso, mas muitas pessoas que estão por trás de Zezé di Camargo e Luciano, que vivem desse trabalho, tem essa consciência", diz.

No entanto, caso tal crise tivesse um desfecho infeliz para dupla, Luciano aponta que não consideraria seguir sem Zezé. "Não. Se ele falasse que ia parar, eu pararia também. Não nasci pra cantar sozinho e nem com outra pessoa. Jamais sem meu irmão".

 

Fonte: Terra Música

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.