Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Música do Brasil

Música do Brasil

República Popular se despede de 2016 com o clipe de “Oxalá”

A sonoridade solar da República Popular ganha novos contornos no clipe de “Oxalá”. Já com o foco voltado para os primeiros passos de 2017 e o que o novo ano tem a oferecer, a banda transforma a letra em uma prece pop. Nuvens coloridas espantam o cinza e apresentam um olhar otimista sobre o que está por vir. A canção integra “Aberto para balanço”, primeiro disco da República Popular. O vídeo ganhou a direção de Carlos Eduardo Pessoa.

 

“Que o vento leve embora a má sorte/e traga para mais perto de mim/quem eu amo e quem me acalma e quem se importe/é o céu quem responde sempre às preces que eu fiz”, canta o vocalista Igor Lobo. É nesse clima que a República Popular encerra 2016, ano em que consolidou seu trabalho com o lançamento do EP “Lis”. Agora, o clipe de “Oxalá” mostra a água como um catalisador de mudanças e aponta para novos caminhos para a banda.

 

“Tínhamos o interesse de fazer esse clipe porque sempre pensamos que o vídeo seria indispensável para complementar a mensagem e o significado da música. A cachoeira representa uma fonte de purificação, onde você pode deixar as coisas ruins para serem levadas e se banhar no que de bom ainda virá”, explica Vinítius Salomão, guitarrista.

 

Cores, filtros e mandalas ajudam a dar forma à canção, um dos primeiros singles do trabalho de estreia da República Popular. A composição surgiu, na verdade, de um amigo dos músicos, que os presenteou com o esboço de uma canção que havia escrito. O ar leve e bucólico já estava presente, e a banda contribuiu com seu refrão e título.

 

“Fizemos duas versões dessa música, pois o misto de sentimentos era muito intenso”, relembra Igor. Uma versão alternativa, gravada em qualidade demo em 2012, pode ser ouvida no Soundcloud da banda (https://goo.gl/qzjF7J).

 

Embora remeta a uma oração ou pedido aos céus, “Oxalá” não se restringe a conceitos religiosos, assim como o próprio termo é associado a religiões tanto árabes quanto afro-brasileiras. Mais que uma expressão de fé e crença, a letra é uma declaração de esperança.

 

“A mensagem da música sempre nos cativou e esperamos que cative todos aqueles que venham a ouví-la e assistir esse novo clipe”, convida o baterista Viktor Judah.

 

Assista “Oxalá”: