Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Música do Brasil

Música do Brasil

Daniel Zé apresenta as múltiplas personalidades de São Paulo em seu novo clipe

O músico Daniel Zé acaba de lançar o videoclipe de “Braços de cimento”, faixa de seu novo disco, “Calma Karma”, lançado há um mês. A música explora a relação entre o homem e a cidade grande da mesma forma que o cantor sente a sua própria relação com São Paulo.

O curta tem roteiro e direção de Cauê Procópio e foi gravado nas ruas do centro da cidade, em lugares já bem peculiares como a Praça Ramos de Azevedo, com a fachada do Theatro Municipal, a Galeria do Rock, o Viaduto do Chá, as ruas da São Bento e mais.

De acordo com Daniel Zé, o clipe segue a letra da música, mostrando os tais braços de cimento como a cidade de São Paulo em si. “A ideia é de como a cidade pode mudar as pessoas. No clipe, o fato de uma criança ingênua andar pelo centro de São Paulo a noite pode causar preocupação, mas o final mostra que o verdadeiro terror é a transformação que a cidade pode trazer”, conta.

O vídeo evidencia as mudanças que a cidade pode nos trazer em tão curto espaço de tempo, convivendo na pressa constante e na loucura que está sempre presente em toda cidade cosmopolita.  

“Braços de cimento” tem fotografia e edição de Lennon Fernandes e Isabella Pianta, da Nova Multimídia; e produção de Thabata Luchessi, Allan dos Santos e Isabelle Grecchi. 
 

ELENCO:
Atriz-Mirim: Luna Grecchi
Mágico: Asnésio Bosnic
Mulher: Isabella Pianta
Pedinte: Lennon Fernandes
Vítima: Adolfo Garroux
 

DANIEL ZÉ

Começou aos sete anos de idade, quando, deslumbrado com o “boom” do rock da década de 80, arriscava os primeiros acordes no violão. A brincadeira de tocar o instrumento era comum, mas quando viu a banda Guns N' Roses no Rock in Rio (1991) não teve mais dúvida de qual profissão queria seguir: músico. “Naquela época eu queria ser o Slash”, brinca. Estudou música no conservatório Universidade Livre de Música (ULM), onde teve aulas com o renomado professor Olmir Stocker, o Alemão. Participou ativamente de bandas como, por exemplo, Killers, Red Fox e Clave de Clóvis”. Em 2013, seguiu em carreira solo. Lançou o primeiro disco, Memórias meio Inventadas, em 2014. N o ano seguinte, lan&c cedi l;ou os singles Não e  Alessandra Negrini e Eu, que estão disponíveis no YouTube. Daniel Zé é rock n roll, mas carrega influências de música brasileira, original funk e indie.     

 

CONTATOS

www.facebook/Danielzeoficial/

www.danielze.com.br

www.instagram.com/danielzeoficial