Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Música do Brasil

Música do Brasil

Igor Menezes

Igor Menezes, violonista desde os 16 anos, com formação erudita e popular, apresenta como sua principal característica a versatilidade e a confluência multi-cultural de suas composições.

Suas influencias mais marcantes estão nos ritmos afro-brasileiros como o samba, o ijexá e o maculelê, o regionalismo da canção nordestina e os ritmos urbanos universais como o jazz e a bossa-nova. Outra característica marcante se encontra no lirismo simples, legítimo e abrangente de seus versos.

Nascido no estado de Sergipe, atualmente reside em Curitiba, estado do Paraná, onde participou de diversos festivais musicais como o Festival da Canção de Pinhais em 2010 e 2011, o Festival Juntando Gente em Curitiba em 2012, 2013 e 2014 e do Festival Mensagem de Apucarana em 2015 onde sua canção “Alquimia” em parceria com o músico Beto Pacheco, recebeu o prêmio de melhor Letra e Segundo Lugar Geral.

Ainda em 2014, foi convidado para participar da gravação do disco “Curitiba Canta Tatára” em homenagem ao poeta e compositor Curitibano João Gilberto Tatára, gravando a faixa “Jogo de Espelhos”.

Participa desde 2011 da Segunda Autoral, movimento que ocorre semanalmente em prol da Música Autoral Paranaense, coordenado pelo poeta Tatára, e que possui reconhecimento de alcance nacional.

"Lugar Nenhum" é o primeiro disco do compositor e violonista Igor Menezes. Tomando como base elementos orgânicos e afro-americanos, busca a valorização da sonoridade do violão e da poética inserida na música brasileira através de um lugar muito próprio, muito peculiar, característica de suas composições. Seja na força rítmica do afro-beat e do baião, no realce lírico do poema cantado da moda de viola, na força ancestral do samba em diversas vertentes ou na narrativa presente na mistura inusitada de polca e ska, o disco consegue transitar numa linha mestra sonora consistente, também obtida pela participação de instrumentistas de excelência. Almeja, desse modo, homenagear o que há de melhor na tradição da canção brasileira para se transmutar em novo lugar.

 

www.igormenezes.net.br/