Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Música do Brasil

Música do Brasil

Céu lança clipe para a inédita “Perfume do Invisível”

A cantora Céu disponibilizou o primeiro single de seu novo disco de estúdio, Tropix, na forma de um clipe para “Perfume do Invisível”.

Além do vídeo, a música também está em plataformas digitais de download streaming, e dá um gosto do que vem por aí no próximo álbum da artista, a ser lançado em 25 de Março pelo selo slap.

Na canção, Céu conta com uma banda de primeira formada por Hervé Salters (teclados), Pupillo (bateria), Pedro Sá (guitarra) e Lucas Martins (baixo). O clipe é assinado por Esmir Filho.

Assista logo abaixo.

 

 

Fonte: Tenho mais discos que amigos

“Voltei a pedido de fãs”, diz Deborah Blando que relança hits de novelas

 

Se você viveu os anos noventa, não tem como esquecer de Deborah Blando, a cantora ítalo-brasileira que bombava nas rádios do mundo todo e nas trilhas de novelas globais. Unicamente foi tema de A Indomada, e a versão de Decadence Avec Elegance, do Lobão, foi de Deus Nos Acuda, só para citar alguns exemplos. Agora, a loira colírio prepara sua volta ao mercado musical com um pé na eletrônica e ou outro calcado nos grandes hits da carreira, após ficar um tempo afastado da grande mídia.

“Meu novo trabalho já está em fase de pré-produção. Será um  DVD  com meus sucessos de novela em versão acústico. São mais de 20 músicas de novelas da Globo. Por outro lado, como tenho um grande público na cena de música eletrônica, fiz o singleBelong, que virá de bônus. Esse trabalho fiz pensando no mercado internacional e já estamos fechando parcerias grandes nos EUA”, revela a cantora em bate papo com o Virgula.

Enzo Dalzotto, sobrinho de Deborah, assina Belong em parceria com a cantora.”Nosso entrosamento foi uma coisa natural. Vi desde cedo que ele era musical. Com 14 anos já estava produzindo. Depois fez curso de produção com um produtor que tinha trabalhado no álbum In Your Eyes, e ai ele um dia me mostrou uma base que me inspirou a fazer a melodia em cima e a letra. Foi tudo muito rapido e natural. Eu sabia que ele tinha o “dom”. Fico feliz de ter mais um musico na família”, comemora.

Sobre estar envolvida com a EDM, Deborah conta que essa paixão pelos beats já é antiga: “Meu contato com a EDM foi através do Enzo. Ele que me mostra tudo o que está acontecendo na música atual e ele é incrivelmente antenado. Sempre fiz música pop e pop eletrônico. Meu primeiro single lançado nos EUA, Europa e Brasil foi Boy, que já era um dance. Meus fãs sempre gostaram quando canto em inglês e meu ultimo álbum era praticamente todo eletrônico, com a exceção de Anjo, que foi tema da novelaGuerra dos Sexos. Adoro trabalhar com DJs e produtores. Eu gosto de trip hop, rock clássico e quase todo o tipo de música eletrônica.”

Em comparação à década de noventa, Deborah andou um tanto afastada da grande mídia. Ela se mudou para os EUA para tratar de um transtorno de pânico, que carrega desde adolescente, e que acarretou em vícios que atrapalharam consideravelmente sua carreira. “Só tenho a agradecer pelo carinho e por  toda a paciência dos meus fãs em terem esperado essa minha volta ao Brasil. Faço música por que gosto, mas por causa do carinho deles e por tantos pedidos acabei voltando. Fico feliz em ter a oportunidade de fazer o que eu amo e alegrá-los ao mesmo tempo. Tenho me emocionado muito com os recadinhos que eles me deixam nas redes sociais. Vi que fiz a decisão certa.”, diz a cantora, e adianta: “Estou trabalhando com os melhores profissionais do meio.

 

Fonte: Vírgula