Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Música do Brasil

Música do Brasil

Óscares: Carlinhos Brown nomeado


Os brasileiros Carlinho Brown e Sérgio Mendes estão nomeados para o Óscar de Melhor Canção pelo tema 'Real in Rio', do filme animado "Rio".
 
Na mesma categoria, este ano reduzida a apenas duas nomeações, também concorre o esperado Bret McKenzie (Flight of the Concords) pela canção 'Man or Muppet', do filme "Os Marretas". Recorde-se que Camané e José Mário Branco estavam na pré-lista de nomeados para esta categoria pelo tema
para o documentário "José & Pilar", 'Já Não Estar'. Oiça os dois temas indicados nos vídeos em baixo.

Os vencedores do prémio para a Melhor Banda Sonora no ano passado, Trent Reznor e Atticus Ross, ficaram de fora da lista de nomeados para o mesmo galardão este ano. O veteraníssimo John Williams volta a repetir o feito de ter duas nomeações nesta categoria pelo trabalho em "As Aventuras de TinTim" e "War Horse", ambos do colaborador habitual Steven Spielberg. O compositor dos filmes de Pedro Almodóvar, o espanhol Alberto Iglesias, concorre na mesma categoria pela música de "A Toupeira", ao lado de Ludovic Bource (vencedor do Globo de Ouro), por "O Artista", e Howard Shore, por "Hugo", de Martin Scorsese, o filme mais nomeado deste ano, com um total de 11 indicações.

Ainda na temática musical, destaque para a nomeação para Melhor Filme Animado de "Chico & Rita" de Fernando Trueba e Javier Mariscal, filme cuja banda sonora é assinada por Bebo Valdés.

 

Fonte: Cotonete

Caetano Veloso e David Byrne juntos em álbum ao vivo

Um álbum ao vivo de Caetano Veloso e David Byrne no Carnegie Hall de Nova Iorque vai ser editado a 13 de Março.

A gravação remonta a 2004, ano em que o brasileiro curou o ciclo «Perspectives». Veloso e Byrne apresentam-se a solo e em conjunto, sempre acompanhados pelo violoncelista Jaques Morelenbaum e pelo percussionista Mauro Refosco.

 

No alinhamento, há canções de ambos, incluindo Talking Heads. Alinhamento (via Pitchfork):

 

01 Desde Que o Samba é Samba *
02 Você é Linda *
03 Sampa *
04 O Leãozinho *
05 Coração Vagabundo *
06 Manhatã *
07 The Revolution #
08 Everyone´s in Love With You ^
09 And She Was ^
10 She Only Sleeps ^
11 Life During Wartime ^
12 God´s Child ^
13 Road to Nowhere ^
14 Dreamworld: Marco de Canaveses #
15 Um Canto de Afoxé para o Bloco do Ilê #
16 (Nothing But) Flowers #
17 Terra *
18 Heaven #

 

* Caetano Veloso
# Caetano Veloso e David Byrne
^ David Byrne

 

Fonte: Disco Digital

Rita Lee anuncia aposentadoria dos palcos em show no Rio

enviar por e-mail
Rita Lee anuncia aposentadoria dos palcos em show no RioAos 64 anos, cantora diz que não fará mais apresentações ao vivo por "fragilidade física"
* campos são obrigatórios
corrigir
Rita Lee anuncia aposentadoria dos palcos em show no RioAos 64 anos, cantora diz que não fará mais apresentações ao vivo por "fragilidade física"
* campos obrigatórios

 

 

A cantora Rita Lee afirmou, durante uma apresentação no Rio de Janeiro, que vai se aposentar dos palcos. O anúncio aconteceu na noite deste sábado (21), num show no Circo Voador. Segundo ela, o motivo é sua "fragilidade física".

 

"Quem me viu ontem pode bem atestar minha fragilidade física", escreveu em seu twitter, algumas horas depois. O afastamento, no entanto, é apenas de apresentações ao vivo. Ela não pretende parar de compor ou gravar música.

"Aposento-me de shows, da música nunca", afirmou, também no twitter. A cantora está trabalhando em um novo disco, que deve ser lançado ainda no primeiro semestre deste ano. Seu último disco de estúdio, "Balacobaco", é de 2003.

 

Rita Lee sofre de problemas na coluna. Em 2009, teve que fazer uma cirurgia de hérnia de disco e, em 2010, anunciou que precisaria ser operada novamente.

 

 

A cantora tem apenas mais uma apresentação agendada, segundo seu site oficial. O show será em Aracaju, Sergipe, no próximo sábado (28). A performance de ontem no Circo Voador marcou a estreia da artista na famosa casa de shows no Rio.

Nascida em 31 de dezembro de 1947, Rita Lee iniciou sua carreira musical nos anos 1960, com a banda Mutantes. Em 1973, deixou o grupo e iniciou sua carreira solo. Entre seus maiores sucessos, estão as músicas "Mania de Você" e "Ovelha Negra".

 

Fonte: Último Segundo

Mallu Magalhães divulga a versão completa do clipe de “Velha e Louca”

 

A cantora Mallu Magalhães lançou, na última sexta-feira (20), o clipe da música “Velha e Louca“. O vídeo começou a ser exibido nas telas de cinema, antes dos trailers que antecedem os filmes. A estreia aconteceu nas sessões do filme de Steven Spielberg, “As Aventuras de Tintim – O Segredo de Licorne”.

Nesta terça-feira (24), Mallu divulgou a versão integral do clipe, que foi gravado no alto de um prédio, no centro de São Paulo, e tem a direção de Paulo Gandra. nas cenas, jovem cantora aparece mantendo interação com a câmera enquanto o seu namorado Marcelo Camelo aparece desfocado, mais ao fundo.

A faixa é o primeiro single do terceiro disco da artista, “Pitanga”, lançado em setembro de 2011.

Assista ao clipe de “Velha e Louca”, na íntegra:

 

 

Fonte: Cifraclub

Roda de Choro de Lisboa convida Eugénia Melo e Castro

 

Eugénia Melo e Castro, cantora portuguesa que conta com mais de 30 anos de uma carreira impressionante: a partir da década de 80 começa a estabelecer uma parceria autoral e vocal com alguns dos mais consagrados artistas brasileiros, como Tom Jobim, Chico Buarque, Simone, Caetano Veloso, Milton Nascimento, entre muitos outros.

Esta cantora apaixonada pela música brasileira e pioneira em estabelecer pontes entre Portugal e Brasil é a convidada especial da Roda de Choro de Lisboa para esta noite que se prevê inesquecivel e extraordinária!

Eugénia e a Roda prepararam um cocktail apaixonante de temas intimistas que fazem parte do imaginário colectivo de todos nós.

 

24 Janeiro na CASA de LAFÕES às 22h30

Rua da Madalena, 199, 1º, Baixa, Lisboa

Entrada 4€

 

Enviado por Teresa Lousa

Novo CD de Antonio Adolfo premiado nos EUA

Chora Baião, novo CD do compositor, pianista e arranjador Antonio Adolfo, vem fazendo sucesso nos EUA desde seu lançamento, em setembro de 2011. No último dia do ano o álbum ganhou prêmios em seis categorias por voto popular no importante site The Latin Jazz Corner: Álbum do ano, Melhor álbum brasileiro, Melhor pianista (Antonio Adolfo), Melhor baixista (Jorge Helder) e Melhor capa (arte de Felipe Taborda e Lygia Santiago com ilustração de Bruno Liberati)

 

"Esse prêmio é importante, não só para os que estão concorrendo, mas principalmente para a música que vem da America Latina", comenta Antonio Adolfo. "O Grammy retirou a categoria Latin Jazz do seu rol de premiações. O Latin Jazz Award vem, de certa forma, tentar suprir esse vácuo", explica.

 

No álbum, que no Brasil tem distribuição pelo selo Saladesom, Antonio Adolfo interpreta composições próprias e faz releituras para músicas de Chico Buarque e Guinga.
 
Enviado por Webduzido

Tambor Carioca lança primeiro CD

Tem ritmo forte no núcleo da célula do Tambor Carioca. Oficina de percussão, grupo musical e, também, um bloco, lança agora seu primeiro CD, o álbum Todas as cores. Produção independente, traz músicas próprias compostas por Sérgio Conforti e Patricia Mauro especialmente para o Tambor tocar.

 

A primeira oficina aconteceu em 2005. Nesses sete anos o trabalho foi crescendo e hoje, além da oficina e do grupo, no carnaval, o Tambor coloca seu bloco na rua para fazer a festa. Aos treze músicos do grupo, se juntam integrantes , formados nas oficinas, compondo uma bateria de cerca de cem componentes.

 

O lema do Tambor Carioca é a mistura. Ritmos brasileiros são recriados com instrumentos típicos cariocas. Esse trabalho é o diferencial do grupo que busca imprimir o sotaque carioca em ritmos regionais como ciranda, carimbó, baião, samba, ijexá, maracatu.... influências de todas as culturas, todas as raças, todas as cores. E isso pode dar até em pop.

 

O repertório composto ao longo desses anos resume a história do Tambor Carioca e reflete o espírito do grupo. Tem o carnaval, mas não fica resumido aos dias da festa popular. A harmonia encontra a percussão, como se um bloco se misturasse a uma banda de rock. No CD a seleção deixa clara essa vontade de experimentar e não se limitar.

 

Passam fusões que já se revelam pelo título como em Carimboca , Ciranda da vida e Pernambucando. Ainda têm os enredos já apresentados pelo bloco nos carnavais: Samba do Tambor e Amores, canções e flores. E nem só da grande festa vive o Tambor Carioca. Celebrando o dia-a-dia, a música As coisas simples da vida já virou hit nos shows e na internet com sua mensagem positiva que encontra alegria nas pequenas cenas do cotidiano. O samba Temporal junta ao grupo a voz do cantor e compositor Claudio Lins, amigo e parceiro de palcos em diversas e festejadas ocasiões.

 

Propondo novas idéias e realizando misturas, o Tambor Carioca esquenta o carnaval com esse CD de composições inéditas. Mas passada a festa a música tem fôlego pra sobreviver o ano inteiro e conquistar novas praças. Valorizando a cultura de sua região e operando fusões, o Tambor Carioca faz um som que é universal, posto que é único. Todas as cores.

 

www.tamborcarioca.com | informações: tamborcarioca@yahoo.com.br


Enviado por Webduzido