Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Música do Brasil

Música do Brasil

"Orquidólatra", Lenine lança CD e vinil 'Labiata'

Lenine lança seu novo disco, patrocinado pela rede de cosméticos Natura

 

O cantor, compositor e auto-definido "orquidólatra" Lenine lançou nesta quarta-feira o sexto CD da sua carreira, intitulado Labiata, uma homenagem a uma espécie rara de orquídea, flor pela qual o artista tem verdadeira paixão e cultiva várias espécies em um local especial de Petrópolis, região serrana do Rio.

O disco tem 11 músicas e "é o mais íntimo, feito com as pessoas mais próximas", onde estão parcerias com Arnaldo Antunes, Lula Queiroga, Braulio Tavares, Dudu Falcão, Carlos Rennó e Paulo Cesar Pinheiro. O disco é patrocinado pela Natura, que por meio do projeto Natura Musical vem dando apoio a iniciativas culturais do ramo de música. De contrato novo com a gravadora e de volta à Universal Music, o álbum foi finalizado nos estúdios do ex-vocalista do Genesis, Peter Gabriel (Real World), em Londres, com as cópias fabricadas na França.

O recente trabalho do pernambucano estará nas lojas até o fim desta semana e a novidade para os fãs é que os primeiros dez mil compradores poderão adquirir um pacote especial, com o CD original na versão Digitec (alta tecnologia), um disco prensado no tradicional vinil e um pen-drive musical. Lenine justificou a volta ao vinil afirmando que "nada substitui o contato da agulha com aquela ranhura".

Uma das canções do disco, É o Que Me Interessa, está incluída na trilha sonora da novela A Favorita, como tema da personagem de Patrícia Pillar. O brilho dos olhos azuis de Lenine se acentua ainda mais quando ele fala do título do trabalho. "Foi uma escolha passional", diz o "orquidólatra" assumido, explicando que Labiata vem de lábia mesmo.

"Labiata é uma orquídea rara do Nordeste" - de nome científico catlea labiata -, que "rivaliza", segundo ele, com outra orquídea do sul, a lelia purpurata. "São 40 mil espécies, que podem ser encontradas desde a Austrália até o Tibet", ensinou Lenine.

O pernambucano fala com intimidade da flor que dá nome ao recente trabalho e a compara com a música popular brasileira. "A Labiata é de grande adaptabilidade e pode ser cultivada na altitude e na planície. é uma flor delicada, mas muito robusta, resistente. E isso é a música popular brasileira, não morre nunca".

No site do artista pernambucano (www.lenine.com.br) é possível se cadastrar e baixar uma das músicas (É o que me interessa). Lenine já está ensaiando o show do novo CD. A estréia vai ser no começo de novembro, no Sesc-Pinheiros, em São Paulo e, depois, na segunda quinzena de novembro, no Vivo do Rio de Janeiro. A idéia é percorrer o Brasil com o show e, a partir de março, iniciar a turnê pelo exterior.

Labiata foi um dos projetos escolhidos pela Natura Musical na edição de 2007 e que agora está se concretizando. O apoio cultural da empresa na música se dá por meio de patrocínio direto, como foi o caso da turnê de Marisa Monte; do documentário Mistério do Samba, de Lula Buarque e Carolina Jabour; e outro sobre a Velha Guarda da Portela; ou por edital (Lei de Incentivo à Cultura), onde o projeto é inscrito e uma comissão externa faz a seleção. O objetivo da iniciativa é promover iniciativas de projetos para resgatar partituras, discos, gravações e filmes musicais.

O projeto Natura Musical foi criado em 2005 e já patrocinou projetos como Acervo Dorival Caymmi - de digitalização de toda obra do baiano, que deve ficar pronto ano que vem; Labiata, de Lenine; o último CD de Nélson Sargento, lançado em agosto; o CD Quartcheto, um grupo instrumental gaúcho, que teve a primeira série lançada no 1º semestre e a outra no 2º, e o espetáculo infanto-juvenil com músicas de Braguinha, também já lançado. No fim de outubro, o Natura Musical vai anunciar os projetos selecionados em 2008 que vão receber patrocínio.
 

 

Fonte: Terra Música